Google+

Saiba quais as mudanças do facebook sobre seu feed de notícias

facebook-algoritmo-mudancas

O mês de abril trouxe várias mudanças no mundo digital, já teve no último dia 21 de abril no algoritmo de buscas mobile do Google e agora é a vez do Facebook. O Facebook está mudando o feed de notícias tendo como objetivo principal apresentar o que realmente importa e interessa ao usuário.

De acordo com o comunicado oficial do Facebook, as mudanças estão focadas nas postagens que supostamente mais te interessam apareçam com maior prioridade. Aparentemente com esta mudança as páginas perdem espaço e amigos mais próximos ficam em destaque.

O update do algoritmo será em três grandes pilares da rede social que recebeu diversas sugestões de usuários sobre o que poderia melhorar.

1 – Usuários que não tem muitos contatos

Antes, o Facebook tinha regras que impediam que publicações da mesma fonte (seja uma página ou perfil de um amigo) aparecessem em uma mesma fila no feed de notícias. Uma das medidas para atender a esse público é o afrouxamento da regra que impede que duas ou mais publicações da mesma pessoa apareçam em sequência no Feed de Notícias.

2 – Usuários com vários contatos

O Facebook percebeu que, por conta do elevado número de conexões, esses usuários têm dificuldades para acompanhar as novidades dos amigos. Com as mudanças algorítmicas, fotos, vídeos e atualizações de status dos contatos que mais interagem devem aparecer com uma frequência maior. A mudança pretende fazer com que o feed de cada usuário fique de acordo com seus interesses reais.

3 – Posts curtidos pelos amigos.

Com o feedback obtido, o Facebook também notou que os usuários não gostam muito dos posts que aparecem apenas porque um contato curtiu ou comentou uma publicação. Muitas vezes o conteúdo comentado ou curtido por um amigo enchem o feed com coisas que não interessam ao usuário. Agora, essas publicações terão um espaço menor e mais discreto.

O que vemos com essa evolução e alterações da maior rede social do mundo é a preocupação na experiência do usuário. Inicialmente as páginas de empresas poderão ser prejudicadas com esses ajustes, mas sabendo-se que tudo irá depender da composição do público e da atividade do post.

Ainda assim sabemos que por um lado o conteúdo ainda é o rei da relevância e dependendo do que você publicar, pode ser legal pra todo mundo e por consequência, continuará sendo exibido pra quem realmente deve aparecer. Por outro lado, o alcance reduzido das páginas serve de “estímulo” para que sites e marcas sintam-se na obrigação de investir para destacar conteúdo publicado.

As mudanças são globais e já estão valendo. 😉

Via: Tecnoblog, TechTudo e TNW

Posted on abril 30, 2015 in Blog

Share the Story

Back to Top